Política

Waldez e os 16 prefeitos discutem medidas de proteção à vida para novos decretos





Durante a reunião virtual, a equipe do comitê científico estadual apresentou o relatório epidemiológico que serve como base para tomada de decisões.

O governador do Amapá, Waldez Góes, presidiu nesta quarta-feira, 31, uma reunião com os prefeitos dos 16 municípios para discutir as medidas restritivas que farão parte dos decretos estadual e municipais e também novas estratégias de enfrentamento da covid-19. As próximas regras serão anunciadas ainda nesta quarta.

Durante o encontro que ocorreu de forma virtual, a equipe do Centro de Operações de Emergência em Saúde Pública (Coesp) apresentou o relatório epidemiológico das últimas semanas, que aponta o Amapá ainda em classificação de alto risco de contágio e crescente no número de casos, internações e óbitos.  

Diante dessas informações, que baseiam as decisões para as medidas restritivas, Waldez Góes defendeu o acordo em conjunto e alinhado para reforçar ainda mais as estratégias de proteção à vida. O chefe do Executivo dialogou sobre as atividades que devem permanecer suspensas, como forma de preventiva de contágio. 

“O objetivo da reunião foi alinhar as medidas de proteção à vida e da economia, que desde o início da pandemia são a nossa prioridade. As medidas discutidas de forma conjuntas com as prefeituras, Tribunal de Justiça e Ministérios Públicos Estadual e Federal levam em consideração a situação epidemiológica”, comentou Góes.

Na reunião, cada prefeito teve a oportunidade de tirar dúvidas e comentar sobre situações específicas de cada municípios e sobre as diferenças entre o comportamento das medidas entre a reunião metropolitana e os interiores.

Classe empresarial

Depois da videoconferência com os prefeitos, o governador reuniu com representantes de sindicatos ligados ao comércio e empreendedores para alinhar os próximos passos das estratégias de enfrentamento à covid-19.

 

Fonte: Portal Governo do Amapá - Jorge Abreu - Foto: Márcio Pinheiro/Governo do Amapá