Cotidiano

OMS recomenda vacina de Oxford/AstraZeneca e diz que benefícios superam riscos





Países europeus suspenderam aplicação do imunizante por suspeita de relação com surgimento de coágulos sanguíneos

Organização Mundial da Saúde (OMS) disse nesta quarta-feira (17) considerar que os benefícios da vacina contra Covid-19 da AstraZeneca são maiores do que potenciais riscos. Por esse motivo, a entidade recomenda que a vacina, desenvolvida em parceria com a Universidade de Oxford, continue a ser utilizada.

Em comunicado, a OMS disse que alguns países da União Europeia suspenderam temporariamente o uso da vacina da AstraZeneca com base em relatos de que pessoas que a receberam foram acometidas por trombose, mas ressaltou que outras nações do bloco decidiram seguir aplicando o imunizante, após levarem as mesmas informações em consideração.

A OMS afirmou também que é normal países apontarem possíveis efeitos adversos após amplas campanhas de vacinação, mas ressaltou que os eventos não são necessariamente relacionados à imunização, embora investigá-los constitua "uma boa prática".

A entidade disse ainda que mantém contato constante com a Agência Europeia de Medicamentos (EMA, pela sigla em inglês) e que está cuidadosamente avaliando os últimos dados sobre a segurança da vacina da AstraZeneca. "Assim que a avaliação for concluída, a OMS irá divulgar suas conclusões", acrescentou.

 

Fonte: CNN Brasil