Negócios

Concurso da Defenap: Período para interposição de recursos inicia nesta segunda-feira (16)





 

Candidatos do concurso público da Defensoria Pública do Estado do Amapá (Defenap) que desejam protocolar ou reivindicar alguma questão relacionada ao resultado do certame, podem realizar a interposição de recursos entre segunda (16) e terça-feira (17). O resultado da primeira fase do processo (prova objetiva) foi divulgado na sexta-feira (13) pela Secretaria de Estado da Administração (Sead) e pela Fundação Carlos Chagas.

A prova objetiva do concurso da Defenap foi aplicada no dia 11 de março, onde quase 3 mil candidatos puderam participar desta primeira fase. Destes, 427 foram eliminados por não comparecer no horário e local da prova, resultando num percentual de faltosos foi de 14,75% dos candidatos.

A prova objetiva referente à primeira fase do certame foi composta 110 questões, que envolviam 12 áreas do Direito. Os candidatos tiveram cinco horam para realizar o exame, e responder a questões sobre legislação, princípios e atribuições da Defenap, direito processual, penal, civil, do consumidor, entre outras. O resultado desta fase está disponível no site www.concursosfcc.com.br/concursos/dpeap117.

A lista com o nome dos candidatos aptos à próxima fase, de provas práticas, será divulgada no dia 26 de abril. A segunda fase do concurso da Defenap está prevista para os dias 5 e 6 de maio, quando os habilitados serão convocados a enfrentar questões dissertativas do Direito e elaborar peças processuais civil e penal.

A 3ª fase está prevista para os dias 3, 4 e 5 de agosto, conforme o cronograma. Essa fase será referente à prova oral, onde os classificados serão avaliados frente a questões da área.

Após essas fases, ainda terá a prova de títulos, que terá um peso na nota final. Os candidatos aprovados em todas estas fases, preencherão as vagas ofertadas.

Concurso

O concurso público da Defensoria Pública do Estado do Amapá é o primeiro realizado na história do órgão, após 39 anos de instalação no estado. O certame foi lançado em dezembro de 2017, e abriu 40 vagas para o cargo de defensor público de 2ª classe para atuação nos 16 municípios amapaenses. O salário inicial previsto no edital é de R$ 13,2 mil.


Da Redação